Mercedes-Benz fornecerá 2,6 mil ônibus para o Caminho da Escola

Com esse novo lote, serão cerca de 8,5 mil ônibus da marca em circulação pelo programa, iniciado em 2007 pelo governo federal

A Mercedes-Benz venceu licitação para o fornecimento de 2.600 ônibus ao programa Caminho da Escola do Fundo Nacional para o Desenvolvimento da Educação (FNDE). Os veículos contam com chassis LO 916, carrocerias Caio e Mascarello, em conformidade com especificações dos modelos ORE 1, ORE 2 e também do Onurea PA. As prefeituras e os estados poderão solicitar seus ônibus até 14 de setembro de 2022.

“É com muita satisfação que a Mercedes-Benz segue fornecendo ônibus escolares para os programas federais. Com essa nova licitação, somente para o Caminho da Escola, serão cerca de 8.500 ônibus Mercedes-Benz em circulação pelo programa, desde 2007, quando foi iniciado”, diz Walter Barbosa, diretor de vendas e marketing ônibus da Mercedes-Benz do Brasil.

Os veículos dos modelos ORE 1 (Ônibus Rural Escolar – Categoria Pequeno) com 29 assentos para crianças, e ORE 2 (Ônibus Rural Escolar – Categoria Médio), com 44 assentos, possuem características específicas para a aplicação rural, como balanços dianteiro e traseiro curtos, suspensões dianteira e traseira adequadas para aplicação severa, bloqueio de diferencial automático, pneus mistos (terra e asfalto) e para-choques elevados.

Já os ônibus do modelo Onurea PA (Ônibus Urbano Acessível Piso Alto – Categoria Pequeno), com 29 assentos para crianças, mais um auxiliar, são focados no transporte escolar em áreas urbanas, possuindo características como menor altura de carroceria em relação ao solo, eixo traseiro com diferencial convencional, pneus com perfil para asfalto, além do sistema de ar condicionado que proporciona maior conforto às crianças.

Os ônibus também se destacam pela acessibilidade, com porta larga e dispositivo de poltrona móvel, dois assentos reservados a alunos com deficiência física e cintos de segurança de quatro pontos. Além disso, as carrocerias dispõem de porta-pacotes vazados para acomodação de mochilas.

“Vocacionado para operações em estradas rurais e vias não pavimentadas, essa versão do LO 916 foi desenvolvida especificamente para o Caminho da Escola, atendendo às especificações do FNDE”, informa Gustavo Nogueira, gerente de vendas governo. Segundo o fabricante, os balanços dianteiro e traseiro elevados facilitam a circulação em solos acidentados, enquanto o bloqueio de diferencial melhora a tração em terrenos de baixa aderência, muito comum em estradas não asfaltadas.

Os pneus de maior banda de rodagem (235/75 R 17,5) são específicos para uso misto em terra e asfalto. Além disso, o LO 916 para aplicações rurais se destaca por itens como freio de parada, que não permitem a movimentação do veículo com as portas abertas, limitador de velocidade de 70 km/h e tacógrafo digital.

O portfólio da Mercedes-Benz para o programa Caminho da Escola conta agora com os modelos LO 916 para a categoria ORE 1 (entre-eixos de 4,25 metros para ônibus convencional de até 7,4 metros, com 29 assentos para estudantes), ORE 2 (entre-eixos de 4,8 metros, com até 9,0 metros de comprimento e 44 assentos), Onurea PA (entre-eixos de 4,25 metros, com 7,4 metros de comprimento e 29 assentos) e também o OF 1519 R para o ORE 3 (entre-eixos de seis metros, com 11 metros e 60 assentos).

Por