Volvo vende 205 chassis no primeiro semestre para empresas de São Paulo

O volume representa cerca de 70% dos modelos padron adquiridos pelas operadoras do maior sistema de ônibus urbano da América Latina no período

Com a comercialização de mais 205 chassis nos primeiros seis meses do ano, a Volvo registrou um crescimento de 70% na venda dos modelos padron adquiridos pelas empresas que operam o sistema de ônibus urbano da capital paulista. Segundo a Volvo, o número é sete vezes superior à participação histórica da marca nas entregas para a cidade.

“Esse volume de vendas é um reconhecimento à qualidade do produto e dos serviços que oferecemos. É um número grande, muito significativo, porque o mercado de São Paulo é extremamente competitivo”, afirma Paulo Arabian, diretor comercial da Volvo Buses no Brasil

Os veículos são do modelo Volvo B250RLE. “No caso específico da operação em São Paulo, a economia de combustível com o chassi Volvo é 8% superior ao de modelos similares de outras marcas. O diesel é o principal custo operacional e ganha relevância ainda mais estratégica num momento de disparada do preço do combustível”, afirma Humberto Costa, gerente regional de vendas da Volvo.

Costa destaca também a alta disponibilidade dos modelos. “Paradas não programadas são muito raras em ônibus Volvo. Em nosso monitoramento, considerando uma mesma quilometragem, modelos de outras marcas param quase três vezes mais. É uma diferença abissal”, diz o executivo.

Segundo Paulo Arabian, outro destaque é o pós-venda. A Volvo e sua concessionária Auto Sueco São Paulo oferecem treinamento customizado para obter o máximo de desempenho de cada ônibus. “Vamos muito além de orientações de como conduzir o veículo. Por meio do programa Volvo Equipe Dedicada, entregamos um serviço que passa por todas as necessidades do nosso cliente. É um modelo sistemático e organizado que estuda a operação em tempo integral, envolve todas as áreas do negócio e oferece soluções que melhoram o desempenho de toda a operação. Além disso, o serviço de conectividade habilitado na frota, contribui para fazer uma melhor gestão dos veículos”, diz Arabian.

O modelo B250RLE piso baixo se destaca por ser extremamente seguro, com baixo consumo de combustível e alta disponibilidade. O sistema de suspensão pneumática é controlado eletronicamente. O modelo é equipado com o motor eletrônico de oito litros, 250 cv de potência e 950 Nm de torque. Vem com o sistema de freios a disco e EBS5, além de um pacote completo de conectividade via Volvo Connect, sistema de gestão de frotas Volvo.

Por